sábado, 4 de outubro de 2008

Contato





Email/MSN: gfhc.bloggers@gmail.com

Twitter: @fullideias

Sobre Nós

Gebaldo S. Junior

Desde novo, Gebaldo se empenhou para contribuir com a renda de sua família. A infra-estrutura de seu bairro possibilitou a abertura de novos horizontes: deixou de ser vendedor de picolés da tropicália para ser ajudante de pedreiro.
Costumava ir para a subescola com os pés rachados devido às diversas reações alérgicas causadas pelos materiais de construção, como o cimento. É possível entender esse fato, já que ele não possuía fundos para comprar objetos de proteção.
Na sala de aula, lutava por um ideal: abandonar o cargo de ajudante de pedreiro, sendo promovido a pedreiro-chefe do setor, como especialista em colocar pisos.
Esse sonho, infelizmente, não foi concretizado, abalando toda a estrutura sentimental do ser Gebaldo.
Um dia, sua vida mudou! Tornou-se amigo de um jovem, muito inteligente, que o estimulou a deixar de lado sua triste história. Essa nova companhia, levou-o ao movimento de inclusão social do bairro vizinho, indicando uma nova escola - mais avançada, por sinal – onde pode desenvolver melhor seu intelecto atrasado em relação à população mundial.
Atualmente, Gebaldo estuda para ser um grande Gemólogo ou Filósofo (indeciso). Mas faz-se mister relembrar de suas origens, aquela história que ficou para trás, e hoje, ver o grande homem que é.

“Eu continuo a ser uma coisa só, apenas uma coisa - um palhaço, o que me coloca em nível bem mais alto que o de qualquer político."

Nota-se através dessa frase, o grande intelecto do jovem Gebaldo Sant’Ana Junior.


Hellington Rodrigues

Hellington Rodrigues, ou simplesmente Tinho *--* como gosta de ser chamado carinhosamente, teve uma infância como qualquer outra criança especial normal, nunca precisou matar nem roubar para ter o que queria. Na escola era sempre perseguido por seus colegas em função de um preconceito bobo, ele gostava de ficar cantando a música Ragatanga da banda Rouge, realmente não era fácil para ele agüentar as piadinhas de mau gosto, porém ele era mais forte do que isso e não se deixava abater.
O menino cresceu, e hoje luta insaciavelmente em busca de seus sonhos, ainda que não saiba realmente em qual padaria procurar, ele sempre esta lá, firme e forte na correria.
Disposição ali é mato, não faz diferença se a hora é AM ou PM sempre que é chamado pra “zuar uns emos” ele ta dentro.
Sonhador, menino de poucas palavras, mas que não mede palavras para falar o que sente.
Sempre se fez muito determinado em buscar melhores condições de vida no vilarejo onde viveu a infância e permanece até os dias atuais, lutando em busca de seus ideais, o pequeno garoto nunca encontrou regalias para satisfazer seus desejos. Mas uma coisa é certa meu amigo! Ele jamais desistiu de lutar por aquilo que ele acha justo!
Uma frase dele:

O amor é a coisa mais fácil de falar, a coisa mais difícil de fazer... E a coisa que mais importa

JTH.



Francielli Kerber

Francielli Kerber (Fran), teve uma infância curiosa. Diferente de todas as meninas normais de seu bairro, que brincavam de boneca e comidinha, buscava a ousadia, fazendo de galinhas, seus brinquedos prediletos.
Roupinhas, comidinhas e até mesmo esmaltes, faziam parte da diversão, que tinha como principal alvo a Megui . (galinha infeliz)
Fran era sempre mandada pelos seus amigos nos joguinhos infantís normais. Fato que lhe propiciou uma suave revolta interior.
Algum tempo depois, ela se tornou uma menina mais decidida! Passou a gostar de bandas sensacionais que fizeram história no Brasil: Rouge e Br’oz.
Ao som de “Sim,sim,sim/Esse amor é tão profundo/ você é minha prometida/vou gritar para todo mundo” , Francielli buscava forças para continuar sua jornada, e ser uma grande cantora pop.
Em seguida, passou a sonhar sonhos mais pertos da sua realidade: queria ser juíza ou marinheira; mas, devido aos problemas da sociedade brasileira, decidiu-se que seria mãe solteira. Nada a impedia de sonhar! Sempre foi uma menina especial...
Um dia, Francielli iniciou uma saga numa Grande Empresa instalada em sua cidade, ESCELSA, onde permanece até hoje.
É considerada por muitos uma guerreira, já que venceu problemas irracionais, como brincar com galinhas, e hoje está fazendo história numa empresa do grupo EDP.
Empresários que se cuidem, porque está ascendendo uma futura multibilionária, viciada em catapultas.

"O coração é a sala da engenharia da vida."

Frase autossustentável.



Ana Carolina

Carol, ou Tatu, como prefere ser chamada, é a prova viva de que as "modinhas" só servem para deixar sequelas.
Durante a sua infância, ficou encantada com os estilos mais sensacionais do momento: o emocore e o black emo. Era a garota sensação de sua escola e bairro! Todos a olhavam como se fosse uma pérola. E era mesmo --'
O tempo foi passando e Carol, amadurecendo. Mais resolvida, deixou de lado essas ilusões que o mundo oferece.
Sonhava em ser faxineira de grandes estúdios cinematográficos ou ser garota-teste de uma fábrica de colchões. Assim, foi incentivada por familiares que encontraram nela, uma superdose de vocação para essas profissões. Pouco tempo depois, Ana sofreu influência de terceiros e deixou essas ideias de lado.
Bobinha, cabeça de vento e jogada às modas, Carolina iniciara um período de muitos em frente à televisão. Estourou a novela do momento: REBELDE.
Depois de tomar vegonha na cara várias tribulações, Carol virou outra pessoa. Deixou de ser levada pelas modas, passou a ser sociável, gente ... enfim, uma boa pessoa.
Futura veterinária, luta pelos direitos dos suricatos e tatus.

"Faça as coisas com amor e dificilmente encontrará dificuldades na vida.''

Frase considerada essencial para ela.

Obs.: Foto não cedida. Motivo: menor de 18 anos.


Marlon Davis

Marlon Davis ou simplesmente dudu, como é chamado pelos mais íntimos. É um menino um tanto quanto inusitado. Desde pequeno aprendeu a filosofar pelas vielas de seu bairro onde nasceu e foi criado, solto. Sob sol e chuva estava sempre disposto a fazer uma correria. Com fama de pegador era o garanhão da vizinhança, as meninas não resistian a seu charme ocular, vitimado pela traiçoeira miopia que assolara a visão do jovem Davis. em outras palavras, dudu, foi o menino! o menino homem, que sentira o vento tocar seu rosto dando-o incentivo a fura-lo e seguir mais adiante, até os confins de onde sua imaginação o haveriam de levar. Hoje, porém, não é diferente. Mas! o jovem homem se entregou aos laços da paixão, um tanto quanto egoísta por sinal, que não ve motivos para viver alem de alimentar tal feissura, ou do contrario se embebedar a pensar na amada, que se encontra nos braços do vilão. Óh! o destino teria armado uma para o nosso varão? Na verdade não! Ele é mais forte do que isso, e hoje escreve em blogs. Quer saber mais? então leia e se deleite. amém!



Gisele Mathias

Gisele para muitos, mulher maravilha para alguns ou apenas Gi para outros, é a mais nova escritora do nosso largado querido blog, que ja parou nao para de crescer.
Pois bem!
Gi, ainda na flor da idade, sonhava em encontrar seu principe encantado, ainda que nem ao menos suspeitasse para qual fim o queria ter, ela buscava, buscava em todos os lugares limitando-se a sua casa, devido a seu decoro, buscava-o em seriados de tv e até mesmo em desenhos infantís.
Em alguma época de sua vida, Gisele, chegou a se apaixonar pelo cara fortão do desenho, Liga da Justiça, chegando até a se fantasiar de mulher maravilha, vide imagem.
No entanto a, agora mulher maravilha, percebeu que não estava satisfeita com sua vida amorosa e acabou por se trancar em seu quarto buscando ideias para alimentar sua fome de paixão.
E nesse marasmo ela ficou por semanas..., até que em um dia comum, Gisele, passa a ter acesso a uma nova onda! =O
Pois é meus caros, ela descobriu a internet. _o_
A moça que estava triste agora vê na web um novo sentido para a vida! Ao saber que, na grande rede, poderia explorar lugares jamais antes explorados, e com isso, aumentar suas chances de cair numa fria encontrar o tal principe encantado, numa fantasia realidade muito mais distante proxima do que ela poderia imaginar.

Pesquisas vão, pesquisas vem...

E pei!

Não, leitores de bairros violentos, acostumados com balas perdidas! Não foi um tiro! rs tabom a piada foi ruim :p

Foi a brecha que se abria na liga de titânio e liberava uma 'coisa' que se propagava como uma praga a radiação de forma AVASSALADORA! VÁI! ♫

Onde emitia um ruido irritante contagiante e dançante que atingia tudo e todos com quem tinha contato, atingiu Gi.
E dessa forma ao som de:
sou foda, eu sou sinistro, melhor que seu marido, esculacho seu amigo, no escuro eu sou um perigo
Gisele Mathias, como que num passe de muitas dorgas riariaria magica 'se morre' de amor pelos
movimentos escrotos, chulos e desinibidos sensuais de seu idealizador, mais conhecido como 'Sou Foda' apenas.

Bem, com isso, a mais nova senhorita avassaladora, ja tem quase tudo o que precisa para ser uma das DEWA's do Full Ideias , diz-se: Viver, amar e causar!
vejamos:

Viver? confere!
Amar? confere!

Causar? Agora sim, ela vai causar aqui no blog, como nova escritora e assim estara realizada e feliz!

E é claro que vamos deixar, pois como ela mesmo fala:

Deixa o povo ser feliz!
Related Posts with Thumbnails